Mulheres e Árvores

As mulheres são como as árvores: elas fincam raízes no solo dos nossos corações, têm paciência e capricho com o próprio crescimento, seus braços são poderosos e, ao abraçá-las, nossos espíritos recebem renovadas energias.

Elas amam e cuidam dos seus frutos, mesmo sabendo que um dia o mundo os levará para longe.

Outras, aquelas que não dão frutos, oferecem sua sombra àqueles que necessitam de descanso.

Quando açoitadas por fortes ventos da vida, elas emanam o perfume da força, trazendo calma por mais assustadora que seja a noite.

Seus corações voam alto o suficiente para escutarem mais de perto os recados do céu.

Elas oxigenam as ruas da cidades, as avenidas, os acostamentos de estradas e as beiras de rios e até as matas.

Elas entendem o canto dos passarinhos e, mais do que ninguém, valorizam e protegem seus ninhos.

Suportam melhor a solidão e as dificuldades da vida…

Elas nascem em maior número para que o verde da esperança jamais empalideça.

Todas mulheres são árvores… e que lindas florestas elas fazem.